terça-feira, 12 de maio de 2020

Comemoração do dia da Europa - 9 de maio


“A União Europeia e os seus Estados-Membros estão a trabalhar incessantemente na luta contra o novo coronavírus, causador da pandemia de COVID-19.


Proteger a saúde e a segurança dos cidadãos é a principal prioridade da UE. Paralelamente, a UE e os Estados-Membros estão a tomar medidas firmes para atenuar o impacto socioeconómico do surto e salvaguardar o emprego. A UE está a mobilizar todos os recursos ao seu dispor para ajudar os países da UE a articularem as respostas nacionais” - extraído do site oficial da União Europeia.

 Neste sentido, o Clube Europeu do AE de Valongo, a propósito da Comemoração do dia da Europa (9 de maio) entendeu assinalar esta data refletindo sobre este problema que atinge toda a comunidade educativa e o mundo na sua globalidade.

Utilizando a plataforma “ Zoom” , os alunos do 10º LH2 apresentaram os trabalhos que desenvolveram sobre o tema, na presença de docentes do Clube Europeu, da turma, da Biblioteca Escolar , que dinamizaram esta atividade e outros que se quiseram associar a esta iniciativa.

Estes trabalhos consistiram na análise dos dados sobre a problemática e expansão do fenómeno Covid-19 na Europa, em Portugal e no concelho de Valongo, na elaboração de mensagens e poemas de incentivo à prevenção do vírus e na adaptação de uma letra ao hino da Alegria, que os alunos interpretaram.

Ficou a ideia de que esta luta deve ser comum a todos e, ao contrário de desunir, deve contribuir para uma Europa ainda mais forte e coesa.

 O Clube Europeu

















segunda-feira, 11 de maio de 2020

O Clube Europeu na Semana Aberta


Desde há muito, que as escolas se mobilizam para questões de educação ambiental, desenvolvimento sustentável e se preocupam com as alterações climáticas. O lema “ Cuida o planeta, terás melhor qualidade de vida e o meio ambiente agradece” incentiva para que todos sejamos responsáveis e a educação, hoje tem que ter um novo olhar sobre o mundo por isso, na escola ensinar não basta, é preciso dar o exemplo

Assim, os alunos do Clube Europeu da Escola Secundária de Valongo, em colaboração com a comunidade escolar desenvolveram durante a Semana Aberta de 2020, entre 20 e 21 de fevereiro o workshop “Do velho fazer diferente”. Com esta atividade pretendeu-se que os participantes aprendessem a reutilizar camisas de homem e senhora transformando-as em aventais, sacos, bolsas, … desta forma prolongando o tempo de vida útil das peças. Esta iniciativa dedicada a “ideias para reciclar e reutilizar”, vem na sequência de outras já desenvolvidas com outros materiais.

As escolas mobilizam-se para questões de educação ambiental. E podem ter um efeito transformador na vida das famílias – muitos são os que começaram a reciclar e a separar lixo em casa a partir dos exemplos trazidos da escola pelos seus filhos.




































segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

O Clube Europeu e a Sustent(h)abilidade


Durante o primeiro período, os alunos do Clube Europeu elaboraram figuras de presépio utilizando material reciclado (cascas e folhas de árvore, rolhas, lousas, pinhas, entre outros). Esta atividade esteve relacionada com o tema aglutinador deste ano letivo do Agrupamento de Escolas de Valongo – “ Sustent(h)abilidade” e também com o tema sugerido para ser trabalhado pelos clubes europeus – “ alterações climáticas”.
 Os alunos consideram que uma forma de contribuir para minimizar este grave problema seria a utilização de materiais reciclados na produção destes materiais, neste caso, ligados à comemoração da quadra natalícia.
 Os trabalhos produzidos fizeram parte de uma exposição / venda que decorreu no Museu Municipal de Valongo até ao pretérito dia 6 de janeiro de 2020.



segunda-feira, 29 de julho de 2019

O Clube Europeu e o Projeto Etwining


 O Clube Europeu participou numa atividade de Natal, inserida no projeto etwining, que compreendeu a elaboração e troca de postais de Natal e de  biscoitos "Trilobites", criação original do AE Valongo. 



O Clube Europeu e a AMI

No passado dia 25 de janeiro de 2019, a AMI dinamizou na Escola Secundária de Valongo sessões sobre os "ODS" ( Objetivos de Desenvolvimento Sustentável"), campanha em que participaram alunos e professores do Clube Europeu.
 A notícia foi publicada no "JOrnal Novo Regional" de Valongo no suplemento "Educação".

 O Clube Europeu do AE Valongo 










Jornal Novo Regional 

quinta-feira, 16 de maio de 2019

Comemoração do Dia da Europa - 9 de maio









No passado dia 9 de maio o Clube Europeu do AE Valongo levou a cabo uma actividade comemorativa do Dia da Europa.
Assim, foram elaborados dois questionários sobre as eleições europeias, aplicados a turmas do 7º e 9º anos do 3º Ciclo e a turmas do 10º e 11º ano do ensino secundário, devidamente adaptados aos diferentes níveis etários.
Aos alunos com idade de poderem votar nas eleições para o Parlamento Europeu, foi distribuído um desdobrável intitulado “Por que razão deve votar”.
Um agradecimento aos alunos do Curso Profissional de Técnicos de Operações Turísticas (TOT) e do 11º LH1, que colaboraram na aplicação dos questionários.
A atividade foi bem recebida pelos alunos e constituiu uma oportunidade para percepcionar  melhor a importância do tema para o futuro dos nossos jovens alunos.

O Clube Europeu do AE Valongo

O Clube Europeu na Assembleia Municipal de Jovens do Concelho de Valongo






No passado dia 3 de maio, os alunos da Escola Secundária de Valongo, João Floriano, Rita Carneiro, Sara Rocha, Duarte Santos e Sofia Gama, sob o patrocínio do Clube Europeu do AE Valongo, participaram na Assembleia Municipal de Jovens do Concelho.
Levaram a debate a falta de espaços verdes, a degradação dos mesmos e o desaparecimento do parque radical para os jovens tendo neste momento como única opção a deslocação para as cidades vizinhas que dispõem destes equipamentos desportivos e de lazer.
Por parte do presidente da Câmara Municipal de Valongo, doutor José Manuel Ribeiro, em resposta aos problemas colocados considerou que não foi aceite num futuro próximo a colocação de um skatepark por motivos da falta de civismo dos utilizadores; quanto aos espaços verdes foi dito que talvez seja possível o alargamento dos jardins existentes e não a criação de novos por motivo de falta de espaço no coração da cidade.